09 agosto 2010

O Reino das Palavras; a metalinguagem

Olá Trambiqueeiros!

Hoje, começamos a analisar, junto aos colegas, alguns poemas e poesias. Pudemos observar que cada um tem uma interpretação diferente de um mesmo texto. 
Continuando nesse processo de "compartilhar" nossos pensamentos e opiniões, decidimos postar mais um poema, que provavelmente será visto em sala de aula, amanhã. "Motivo" de Cecília Meireles. 

Eu canto porque o instante existe
e a minha vida está completa.
Não sou alegre nem sou triste:
sou poeta.
Irmão das coisas fugidias,
não sinto gozo nem tormento.
Atravesso noites e dias
no vento.
Se desmorono ou se edifico,
se permaneço ou me desfaço,
- não sei, não sei. Não sei se fico
ou passo.
Sei que canto. E a canção é tudo.
Tem sangue eterno a asa ritmada.
E um dia sei que estarei mudo:
- mais nada.

Comentem. Deem suas opiniões. O que vocês acham que ela quer expressar ?
Beiijos trambiqueiros, e até a Próxima.



4 comentários:

  1. Marcelynne Almeida12 de agosto de 2010 09:58

    Cecília Meireles sempre foi super 'intensa' nas suas poesias. Em "Motivo", ela simplesmente diz qual seu 'motivo' para escrever. E de certa forma, mostra seu 'prazer' em fazer isso.

    ResponderExcluir
  2. Maria Caroline Oliveira2 de setembro de 2010 18:43

    Pelo que entendi, nesse poema Cecília Meirelles define seu estado como poeta ("Não sou alegre nem sou triste: sou poeta."). Além disse ela retrata sua poesia como canção, que representa tudo para a autora.

    ResponderExcluir
  3. Ela mostra seus motivos pras coisas, e o que a traz a felicidade. Cada um tem seus motivos para ser feliz, e os seus ela mostra na poesia. Ela ama catar e mostra uma imensa felicidade em escrever.

    ResponderExcluir
  4. "O que vocês acham que ela quer expressar ?"
    Pra mim a maior mensagem que ela passa nessa poesia está no primeiro verso! Ela diz logo que não tem motivos pra "cantar" - que, no caso dela, quer dizer "escrever" -, o maior motivo de fazer poesias, de escrever, de cantar é pensar 'por que não fazer ?', entende? Não tem motivos pra não o fazer, então o farei!

    ResponderExcluir